Resenha: Minha Vida Mora Ao Lado, da Huntley Fitzpatrick


Oi oi gente!!

A resenha de hoje é de um livro que ficou por anos na lista de desejados, e que finalmente vou resenhar para vocês graças a editora Valentina. O livro é bem cliche e tem aquele leve romance que aquece o coração, mas, não vou prolongar a minha resenha. Porque o livro é tão maravilhoso que vocês tem que descobrir algumas coisas chocantes sobre as famílias durante a leitura.


Um Garoto, um verão, um segredo, uma decisão.


Autora: Huntley Fitzpatrick
Titulo Original: My life next door
Ano: 2015
Páginas: 320
Editora: Valentina
Onde encontrar: Amazon  |  Skoob
“Minha mãe nunca ficou sabendo de uma coisa, algo que ela reprovaria radicalmente: eu observava os Garrett. O tempo todo.” Os Garrett são tudo que os Reed não são. Barulhentos, caóticos e afetuosos. São de verdade. E, todos os dias, de seu cantinho no telhado, Samantha sonha ser uma deles, ser da família. Até que, numa noite de verão, Jase Garrett vai até lá e... Quanto mais os adolescentes se aproximam, mais real esse amor genuíno vai se tornando. Contudo, precisam aprender a lidar com as estranhezas e maravilhas do primeiro amor. A família de Jase acolhe Samantha, apesar dela ter que esconder o namorado da própria mãe. Até que algo terrível acontece, o mundo de Samantha desmorona e ela é repentinamente forçada a tomar uma decisão quase impossível, porém definitiva. A qual família recorrer? Ou, quem sabe, Sam já é madura o bastante para assumir suas próprias escolhas? Será que está pronta para abraçar a vida e encarar desafios? Quem você estaria disposto a sacrificar pela coisa certa a se fazer? O que você estaria disposto a sacrificar pela verdade?

Todas as obras da Julia Quinn que chegaram no Brasil


Oi oi gente!

Recentemente a editora Arqueiro bateu o seu record de lançamentos de livros do gênero Romance de Época (principalmente os livros da autora Julia Quinn), trazendo séries/trilogias/duologias que nos fizeram amar e odiar alguns personagens dos livros da autora. Então, para comemorar esse feito maravilhoso, quis trazer os livros que já li e conheço da autora.

Mulheres na Luta: A história do movimento feminista em quadrinhos

Foto: Imagem da editora Seguinte

Oi oi gente!!

algumas pessoas que acompanham a Companhia das Letras, já devem saber que o livro Mulheres da Luta, virou um quadrinho lindo.

Há 150 anos, a vida das mulheres era muito diferente: elas não podiam tomar decisões sobre seu corpo, votar ou ganhar o próprio dinheiro. Quando nasciam, os pais estavam no comando; depois, os maridos. O cenário só começou a mudar quando elas passaram a se organizar e a lutar por liberdade e igualdade.

Titulo: Mulheres na luta: 150 anos em busca de liberdade, igualdade e sororidade
Autoras: Jenny Jordahl e Marta Breen
Ano: 2019
Editora: Companhia das Letras
Onde encontrar: Amazon  | Site da editora

Em Mulheres na luta, Marta Breen e Jenny Jordahl destacam batalhas históricas das mulheres — pelo direito à educação, pela participação na política, pelo uso de contraceptivos, por igualdade no mercado de trabalho, entre várias outras —, relacionando-as a diversos movimentos sociais. O resultado é um rico panorama da luta feminista, que mostra o avanço que já foi feito — e tudo o que ainda precisamos conquistar.

O livro, que é totalmente colorido e tem capa dura, ainda conta com um posfácio de Bárbara Castro sobre o movimento feminista no Brasil. Veja uma entrevista com a autora Marta Breen no nosso YouTube.

Resenha: Henry, o Corgi da Rainha, da George Crawley

Oi oi gente!!

A resenha de hoje é ambientado no Natal, mas é claro que eu precisava trazer a resenha antes para vocês sentirem o quanto esse livro é maravilhoso e muito bem narrado.
Sério! Onde os humanos estariam sem nós, os cães, para resolver suas vidas de tempos em tempos?

Titulo Original: Henry, The Queen’s Corgi
Autor: George Crawley
Editora: Gutenberg
Páginas: 267
Ano: 2018
Onde encontrar: Amazon
Quando seu corgi de estimação desaparece em um passeio a Londres, a família Walker o procura em todos os lugares, menos onde nunca poderiam imaginar.
O pequeno cão foi confundido pela Guarda da Rainha com um corgi real e, desde então, vive no Palácio de Buckingham, recebendo tratamento especial, dormindo em uma cesta aconchegante e tendo até um chefe de cozinha para preparar suas deliciosas refeições. E se essa é a vida de um cão da realeza, Henry não se importa nem um pouco: apenas aproveita todas as regalias daquela realidade diferente da sua. 
Mas quando o espírito natalino toma conta do Palácio, Henry percebe que, de alguma forma, precisa voltar para os Walker. Afinal, estar com seus amados donos seria seu melhor presente de Natal!

Em Henry, O Corgi da Rainha vamos conhecer a história de Amy Walker, uma mãe que está segurando as "pontas" sozinha, após o marido deixa-la com os dois filhos. Também vamos conhecer Henry o cachorrinho da família, e que também narra o livro contando como pretendo ajudar a levantar o animo de todos na casa. 

Para animar a rotina da família neste Natal, Amy decidi levá-los para uma excursão nos Jardins do Palácio de Buckingham. Porém, ela também levou Henry, o que sem querer acabou em confusão. Henry acaba escapando e se perde da sua família. 

Quando ele é encontrado por um dos Guardas do Palácio, é levado para dentro e é confundido por um dos Corgis da Rainha Elizabeth II. 
Henry por sua vez tenta conhecer um jeito de fugir, mas isso acaba sendo difícil já que não tem como isso acontecer com todos os empregados de olho nele.

Mesmo Henry sentindo falta da família Walker, ele também sente que aquele lugar é confortável e sem preocupações. Enquanto isso, Amy e seus dois filhos se unem para ir atras do seu cachorrinho. E após isso tudo fica mais divertido e muito envolvente.

Bom, o livro é realmente bem leve e praticamente eu não posso contar muito. Por se tratar de um livro com um assunto importante, acabamos não percebendo que o ponto de vista mais detalhado e muito bem descrito na verdade é o do Henry.

A diagramação é perfeita e não encontramos muitos detalhes nos páginas, que acabe atrapalhando a leitura. A paleta de cores da capa é linda, e meu único pecado foi ter efetuado a leitura com uma xícara de gato ao lado, e não de um doguinho (eu amo cachorros!).

Se você gosta de um livro que se passe no Natal, e que conte uma história de superação. Quero que saiba que esse é o seu livro. A leitura é bem leve e serve para tirar aquela ressaca literária que você acabou ficando do livro anterior.

Henry, o Corgi da Rainha possui menos de 300 paginas e é uma leitura super rápida, por cauda da escrita da autora e da narração dos personagens. Ao decorrer da leitura você vai percebendo que a premissa do livro é muito mais do que você imagina, e fica impactado com cada lição que Henry e Amy dão no livro.


Espero que tenham gostado da resenha, e me contem nos comentários se já leram alguma coisa da autora ou algo sobre o livro.

Beijoss, e até a próxima!!

5 Blogs para Você Acompanhar (e amar muito) #1

Foto: @annasofiapark
Oi oi gente!!
Eu adoro ficar visitando alguns blogs para ter além de inspiração, ter um pouco de incentivo em continuar com as resenhas. Eu selecionei os meus preferidos, e em breve posso fazer outro post com os bookstagrams que me inspiram.


Resenha: Our Fall, da Amanda Maia

— Eu te disse que sempre me senti atraído por você. Você é a minha queda.
Oi oi gente!!

A resenha de hoje é do livro que mais me surpreendeu este ano. Mesmo com uma historia que quebra alguns tabus, eu achei que a autora fez um ótimo trabalho trazendo um romance, com pitadas de suspense para um New Adult.
Eu sempre gostei do silêncio, de não precisar me explicar, me isolar do resto do mundo sem ser notada. Gostava da comodidade com toda a minha essência.
Autora: Amanda Maia
Páginas: 589
Ano: 2017
Editora: Independente
Onde encontrar: Skoob | Amazon
Para Quinn Portman ser a garota perfeita nunca foi um sacrifício. Filha de um militar respeitado nos Estados Unidos, irmã e amiga atenciosa, estudiosa e responsável, ela só pensa em deixar os pais orgulhosos de suas escolhas. Sua vida sofre uma reviravolta explosiva quando James Ridley cruza seu caminho. Corpo esguio, sorriso sagaz e um olhar que parece querer desvendar tudo, mas não revela absolutamente nada. Sem conseguir resistir aos encantos misteriosos do homem atraente que a cerca, Quinn ignora os sinais que ele lhe dá a respeito do seu passado e garante que não há nada que ela possa esperar dele no futuro. James vai fazer com que os princípios inabaláveis de Quinn se tornem seu pior pesadelo. Se a verdade é o estopim para a queda, ele se aproxima.

Our Fall vai contar a história de Quinn Portaman, uma garota que está no ultimo ano do ensino médio, e que aparentemente tinha tudo para ser normal. Com os conflitos comuns de toda jovem de 17 anos ano tem.

Porém, o que faz Quinn ser diferente é ter uma "quedinha" por seu professor de Literatura  — James Ridley.
Do nada eu me tornei uma figura visível e importante no seu dia a dia. O fato de ele ser mais velho e meu professor... fazia dele um criminoso e eu o seu crime perfeito.
Bom, até ai tudo bem, já que a paixonite platônica de Quinn nunca saiu da suia cabeça e nem mesmo foram pra fora do colégio. Mas quando o professor percebe que as notas de Quinn que até uns meses atrás estavam ótimas, começaram a cair quando ele entrou no novo cargo. Decidi dar aulas particulares para a Jovem, em prol dela não ter mais dificuldades com a matéria.
Ele se levantou ficando de frente para mim, era mais alto que eu.- Não sei o que fazer. Eu estou perdido entre a razão e o desejo. O que devo fazer, Quinn?
O que ninguém esperava era saber que James também sentia algo por Quinn. E isso acabou se tornando ainda pior, já que ele está noivo com uma mulher que parece que acabou de sair da revista Victoria's Secret.

Parte de mim dizia que aquilo era errado e certamente era, mas eu não me importava. O erro era uma atração incógnita e James me fazia cometer todos eles.
Bom, o livro tem uma bela reviravolta quando descobrimos que James é um agente secreto e está investigando o pai de Quinn. Aí tudo acaba desandando e vamos acompanhando como o relacionamento dos dois se desenvolve a partir daí.

Não tem como não se sentir totalmente conquistada, envolvida e viciada pela história que a Amanda criou. O enredo além de ser original e muito bem escrito (vale ressaltar), a narrativa é intensa e claro os personagens são cativantes logo nas primeiras páginas. O livro é bem detalhado mas não o suficiente para te deixar enjoado e cansado. 

Não posso nem pensar em esquecer de mencionar os personagens secundários, que aparecem inúmeras vezes e são além de essenciais, marcantes para o romance.

Antes de concluir a resenha, quero mencionar que fiquei encantada com a capa que é extremamente linda. Com essa paleta de cores que me deixou impressionada com tanto detalhes (ou nem tanto).

Concluindo, quero dizer que amei ler esse livro e peço mil perdões por não resenha-lo antes. Porque o livro além de abordar esse tema sobre diferença de idade e romance na adolescência, a autora não nos decepciona e apresenta um lado do New Adult que eu não conhecia.



Espero que tenham gostado do post, e me contem nos comentários já leram algo da autora.

Beijoss, e até a próxima!

Book Review: Corações Quebrados, da Sofia Silva (Quebrados #2)


Voa Emília, eu espero por ti.
Oi oi gente!!

Dá pra acreditar que Corações Quebrados, da Sofia Silva. Foi o meu primeiro contato com uma obra que a autora é portuguesa. Além de amar o enredo, eu fiquei encantada com os personagens e muito emocionada com o passado do casal. Essa obra é da autora Sofia Silva e além desse livro teve o primeiro Sorrisos Quebrados, que também foi publicado pela editora Valentina.

Titulo original: Corações Quebrados
Ano: 2018 
Série: Quebrados #2
Páginas: 344
Editora: Valentina
Onde encontrar: Skoob  |  Amazon
Com mais de um milhão de leituras no Wattpad, chegará às livrarias brasileiras o segundo volume da Série QUEBRADOS.CORAÇÕES QUEBRADOS aborda a depressão, o luto e a deficiência física.Entre as dores da perda e a incapacidade de seguir em frente, Emília vive os seus dias numa clínica. Está estagnada. É nesse inferno pessoal que ela conhecerá Diogo, alguém que também foi vitimado por uma tragédia.
Será que é possível dois corações quebrados encontrarem a felicidade?Numa sociedade onde a nossa aparência continua a valer mais do que a essência, é difícil continuar a jornada da vida quando tudo nos é arrancado.Passamos os dias a olhar a capa das pessoas. Julgamos sem compreender que nunca conheceremos totalmente uma história sem ler cada página. Sem compreender o seu início, meio e fim.Duas pessoas fisicamente distantes.Dois corações quebrados pela vida.Dois sotaques que se misturam entre a dor, o riso e o amor.Por isso, olhem sim a capa de cada pessoa, mas virem a página.
Em Corações Quebrados vamos conhecer a história de Emília uma jovem de 23 anos que apenas com está idade já perdeu tanto. Isso por causa de um grave acidente, que acabou matando a sua família e deixando ela com cicatrizes irreparáveis.

Também vamos conhecer Diogo, é um soldado que voltou da guerra com mais marcas do que ele mesmo pode contar (e não estou falando de cicatrizes físicas). 
Além de perder amigos, ele sofreu com os traumas que a guerra deixou. Os dois protagonistas estão internadas em uma clinica, Emília está aqui no Brasil, enquanto, Diogo está em Portugal. 
Ele não é a metade que me faltava; é o tudo de que eu precisava.
O método de tratamento que os dois estão fazendo é através de conversas e como estão tentando recomeçar as suas vidas após a tragedia. 
 - Se eu conversar com essa Emília, o que ambos ganharemos com isso? Ele fica uns segundos a olhar para mim, até caminhar na minha direção. Ficamos a observar os pássaros que continuam a voar. — Asas e raízes.
Como todo bom romance, os dois protagonistas acabam se conhecendo mais, através de cada mensagem trocada. E vendo o quanto precisam um do outro para se completarem, e como é bom ter alguém te conhece, e te entende como ninguém.
As pessoas nem sempre entram na nossa vida quando estamos bem, mas a sua presença torna-a melhor. Foi assim com ela. Senti que tinha uma bela razão para ser mais do que alguma vez fui.
Bom, não vou mentir dizendo que me surpreendi com o enredo que a autora criou, porque... não. 
Eu já conheço a escrita e a forma que a autora envolve todos os personagens. Mas, o jeito que ela desenvolveu a história de cada um dos dois, foi o que me chamou a atenção.
Houve momentos em que eu chorei, tentando imaginar a dor que Emília passou. E como é difícil recomeçar a vida depois que todos os seus amigos morreram, como foi o caso do Diogo.

Então, foi uma leitura maravilhosa. A primeira coisa que me marcou no livro com toda certeza foi a escrita da autora. Desde a primeira página ela consegue nos prender com uma narrativa rápida e bem fluida.

Não tem como não se sentir totalmente conquistada, envolvida e viciada pela história. O enredo é original e muito bem escrito, a autora fez uma narrativa intensa por causa da história dos dois personagens. Então, também não posso esquecer de mencionar que o cenário do livro foi bem descrito e a autora não precisou detalhar muito o ambiente para sabermos o que estava acontecendo ao redor dos personagens.


A folhas e a capa é simplesmente perfeita. Tanto nos detalhes como nos trechos que vão te fazer lembrar de algo na história. A editora pensou em cada detalhe, e isso me chamou muito a atenção.

“A nossa existência é uma sucessão de escolhas e consequências. Às vezes, as consequências, fazem-nos pensar que tudo poderia ser diferente se tivéssemos agido de outra forma.”
 Ao ler a sinopse já pode se esperar muitas reviravoltas, intrigas e momentos marcantes. Eu sei que a resenha não foi das mais explicativas ou até mesmo sem muitos detalhes. Mas por se tratar de um Book Review da obra, vou deixar vocês apenas com um pouco da história e as fotos do livro.


"Às vezes precisamos perder algo que pensávamos ser bom pra ganhar algo verdadeiramente excelente"
Concluindo, recomendo esse livro para os leitores que já conhecem a forma de escrita da autora e também desejam um livro com palavras que lembrem Portugal. Esse livro é um maravilhoso romance, que deve ser lido por todos — sem exceção.

SOBRE A AUTORA

Sofia Silva nasceu em Vila Nova de Gaia, Portugal. É licenciada em Ensino Básico (1º Ciclo) pela Universidade de Aveiro.Amante da literatura, em especial da poesia e, nela, de Pablo Neruda. Sempre gostou dos sentimentos contidos nas palavras e do poder que exercem sobre os leitores. Ávida devoradora de romances, com predileção pelos dramáticos de final feliz, desde jovem participa ativamente do meio literário. Em dezembro de 2014, iniciou-se na ficção através da plataforma online Wattpad coma Série Quebrados, cujo foco são histórias sobre violência doméstica, deficiência física e abuso sexual. Com mais de 1 milhão de leituras e o apoio fervoroso das leitoras brasileiras, publicou, dois anos depois, o seu primeiro livro na Amazon, Sorrisos Quebrados, atingindo o top 10 de vendas em ebook no Brasil. Para o futuro, deseja continuar a dar voz aos problemas da sociedade através de personagens que ultrapassam inúmeros obstáculos e merecem ser felizes.

Então, é isso gente. Espero que tenham gostado da resenha e de conhecerem oi novo lançamento da autora.

Beijoss, e até a próxima!

Ordem de leitura: Série Recomeços, da Lauren Layne


Oi oi gente!!

A autora mais falada em 2018 por causa dos seus romances água com açúcar foi a Lauren Layne. Ela teve seu primeiro livro publicado aqui no Brasil, que foi Mais Que Amigos. A partir daí foi uma enxurrada de comentários positivos sobre a escrita da autora e como ela faz um drama ser lido de forma leve, o que acaba deixando a leitura fluida.


COMO NUM FILME
Lauren Layne

As regras são claras... até o momento em que são quebradas. Neste livro da série Recomeços, conheça a história de Ethan.
As únicas coisas que o mauricinho Ethan e a rebelde Stephanie têm em comum são o curso de cinema na Universidade de Nova York e o roteiro que precisam desenvolver juntos. Mas, quando a proposta de recriar clássicos de Hollywood se confunde com a realidade, eles acabam se tornando os protagonistas de uma história de amor digna de Oscar! Ela quer um quarto confortável em uma boa casa. Ele quer ficar longe de sua ex. Eles precisam de uma boa nota. Convencidos a ajudar um ao outro, os dois entram em um acordo: Stephanie será a namorada de mentirinha de Ethan enquanto ele a deixa morar em seu apartamento. Para isso, ela deverá fingir ser uma perfeita lady: discreta, arrumadinha e, claro, completamente apaixonada… igualzinha à personagem do filme que estão criando. Contudo, à medida que os dois se aproximam, Ethan se vê completamente apaixonado pela garota cheia de mistérios e contradições ao seu lado. Agora, ele vai ter que decidir: será que seus sentimentos são pela Stephanie de verdade? Ou apenas pela versão que ele criou?
Descubra por que a combinação de coração e humor de Lauren Layne está fazendo um respingo com este pacote de e-books de leitura obrigatória, que recolhe três de seus emocionantes romances emocionais: ela não é adorável, quebrada e esmagada.

ELA NÃO É LINDA, QUEBRADA, ESMAGADA
Recomeços 0.5 - 2
NÃO É TÃO BONITO
Stephanie Kendrick desistiu de seu verão para fazer o seu curso de roteiro da NYU, então ela está chateada de estar presa com o eterno Prejudicada, Ethan Price, como seu parceiro - até que uma idéia de roteiro já pronta se apresente. Ethan está desesperado para fazer sua mãe esnobe esquecer seu ex. Enquanto Stephanie é um trecho de chamariz, o que com seus piercings e guarda-roupa gótico, a reforma certa e um casaco de lã pastel só poderia fazer o truque. Mas quando Stephanie se junta à multidão de Hamptons, a “atuação” começa a parecer real demais. E Stephanie enfrenta uma pergunta que ela tem medo de perguntar: Ethan está se apaixonando por ela ou pela princesa que ele quer ver?
QUEBRADO
Quando Olivia Middleton abandona Park Avenue por uma cidade costeira no Maine para ajudar um veterano de guerra ferido a voltar à sociedade, seu cliente não é um homem idoso agradecido. Ele é um menino de vinte e quatro anos que não tem intenção de ser o projeto de caridade de Olivia. . . e cujo olhar fumegante poderia ser sua ruína. Um veterano quarterback antes da guerra, Paul Langdon prefere o exílio auto-imposto, mesmo que ele deve tolerar o mais novo zelador por três meses para manter sua herança. Mas Olivia o faz ansiar por coisas que ele nunca pode ter. E quanto mais ela passa por suas defesas, mais difícil fica sua distância.
ESMAGADO
Um nova-iorquino de longa data, Michael St. Claire acaba de descobrir a identidade de seu pai verdadeiro, um estranho total com uma família no Texas. É lá que Michael conhece a refinadamente requintada Kristin Bellamy, que é tudo o que ele sempre pensou que ele queria. O único problema é que Kristin está namorando o novo meio-irmão de Michael - que, por acaso, é a paixão de longa data da boca cheia de curvas de Kristin, irmã, Chloe. Quando Michael se oferece para ajudar Chloe a separá-los, ela concorda com um acordo que parece bom demais para ser verdade. Mas depois que Chloe finalmente consegue seu homem, ela não quer mais o cara que ela teve que lutar - ela quer aquele que estava ao seu lado.


EM PEDAÇOS
Recomeços - vol. 1
Lauren Layne
Nessa recontagem moderna de A Bela e a Fera, Lauren Layne nos traz uma história irresistível de perdão, cura e, acima de tudo, amor.
Aos 22 anos, Olivia Middleton tem Nova York aos seus pés. Por fora, ela é a garota perfeita — linda, inteligente e caridosa. Mas por dentro ela guarda um segredo terrível: um erro que a afastou das duas únicas pessoas que realmente importavam na sua vida. Determinada a esquecer o passado, ela deixa Manhattan e vai trabalhar como cuidadora de um soldado recém-chegado da guerra. Mas o que ela não esperava era que seu paciente fosse um jovem enigmático de 24 anos tão amargurado quanto cativante.Paul Landon está furioso — com o mundo, com a vida, com o seu pai e, acima de tudo, consigo mesmo. Depois de sofrer na pele os horrores da guerra do Afeganistão, a última coisa que ele quer é a companhia de uma princesa nova-iorquina linda, mimada e irritante. A presença de Olivia parece tóxica para Paul, mas ele não consegue afastá-la, mesmo tentando muito.Por mais que lutem contra uma atração intoxicante, Paul e Olivia não conseguem se manter distantes. Agora, precisam decidir: eles vão ajudar um ao outro a curar as feridas do passado ou vão se manter, para sempre, em pedaços?
 O mais recente romance de Lauren Layne sobre o poder de cura da redenção conta a história de uma paixão que foi maldosamente errada, provando que o que você quer nem sempre é o que você precisa.



Imperfeitos 
Recomeços vol. 2
Lauren Layne
Amazon: Link
Será que Michael conseguirá encontrar um final feliz depois de ser rejeitado por Olivia? Uma comédia romântica surpreendente sobre como recomeços podem ser a cura para um coração partido. Quantas vezes um mesmo coração aguenta ser despedaçado? Essa é a pergunta que atormenta Michael St. Claire, o ex-bon vivant que, após ser rejeitado por Olivia e abandonado pelo melhor amigo, deixa o glamour nova-iorquino para trás e vai trabalhar num clube de tênis numa cidadezinha no Texas. Há um motivo secreto por trás dessa escolha geográfica: é lá que se encontram seu pai biológico e seu meio-irmão, Devon, que não fazem ideia de sua existência. O que o plano de Michael não previa era conhecer Chloe, a garota mais inteligente, sarcástica e original que ele já vira. Em pouco tempo, eles se tornam grandes amigos, e quando Michael descobre que Chloe é apaixonada por Devon ele resolve que irá ajudá-la. Mas será que dois corações rejeitados conseguem, juntos, construir um recomeço? Ou irão apenas se machucar, perdidos na eterna busca por aceitação e pertencimento? 
Espero que tenham gostado do post, e me contem nos comentráios se já leram algum livro da autora.

Beijoss, e até a próxima!

Quotes: Uma Dama Fora dos Padrões, da Julia Quinn


Oi oi gente!!

Eu não vou postar a resenha do livro, por questões de ter muitos quotes maravilhosos no livro e por eu ter pouco tempo para resenhar o livro. Mas espero que gostem das fotos e dos quotes marcantes. 

Titulo original: BECAUSE OF MISS BRIDGERTON 
Série: Os Rokesbys # 1
Editora: Arqueiro
Autora: Julia Quinn (Rainha)
Ano: 2018
Páginas: 272
Onde encontrar: Skoob Amazon
Primeiro livro da nova série de Julia Quinn, Os Rokesbys. Julia Quinn já vendeu mais de 850 mil livros pela Editora Arqueiro.
Às vezes você encontra o amor nos lugares mais inesperados...
Esta não é uma dessas vezes. Todos esperam que Billie Bridgerton se case com um dos irmãos Rokesbys. As duas famílias são vizinhas há séculos e, quando criança, a levada Billie adorava brincar com Edward e Andrew. Qualquer um deles seria um marido perfeito... algum dia. Às vezes você se apaixona exatamente pela pessoa que acha que deveria...
Ou não. Há apenas um irmão Rokesby que Billie simplesmente não suporta: George. Ele até pode ser o mais velho e herdeiro do condado, mas é arrogante e irritante. Billie tem certeza de que ele também não gosta nem um pouco dela, o que é perfeitamente conveniente.
Mas às vezes o destino tem um senso de humor perverso...
Porque quando Billie e George são obrigados a ficar juntos num lugar inusitado, um novo tipo de faísca começa a surgir. E no momento em que esses adversários da vida inteira finalmente se beijam, descobrem que a pessoa que detestam talvez seja a mesma sem a qual não conseguem viver.

 — Nós, mulheres, faríamos um trabalho muito melhor se pudéssemos governar.


Às vezes você encontra o amor nos lugares mais inesperados...
 Ela era dona de um sorriso largo e uma risada contagiante, e Deus do céu, como era possível que ele fosse a única pessoa na Inglaterra que parecia perceber o perigo que ela representava para a humanidade?
 George Rokesby era exatamente o tipo conservador e retrógrado que se esperaria do herdeiro de um condado. Seria justo dizer que George Rokesby, o filho mais velho do conde de Manston e atualmente conhecido pelo mundo civilizado como o visconde de Kennard, era um cavalheiro sereno.
Ele quase a beijou.Santo Deus, ele quase beijou Billie Bridgerton. Tinha que sair logo dali. 

E, de alguma forma, todos sempre a perdoavam. Billie tinha essa coisa - não era exatamente charme, mas uma confiança louca e imprudente - que fazia as pessoas ficarem ao seu lado.
— Quando foi que fugiu de um desafio?— Nunca. Declarou ela— Essa é minha garota.— Eu não sou..— Mas vai ser.
 E então, porque ela era Billie Bridgerton e nunca se importara em assumir o controle, enfiou os dedos no cabelo de George e puxou sua boca até a dela.E, porque ele era George Rokesby e iria amá-la pelo resto de seus dias, retribuiu o beijo.
E aquilo doeu. Ah, como doeu... Que ironia. Billie não se importava que George Rokesby não quisesse se casar com ela. Na maior parte do tempo ela nem sequer gostava dele. E sabia que, quando ele se dignasse a escolher uma noiva, a dama tão agraciada não seria nada parecida com ela.

Ela estava em apuros, portanto ele não tinha escolha. Precisava ajudá-la, por mais irritante que a achasse. E ele achava. Ah, ela sabia que achava. George nunca fizera qualquer esforço para disfarçar isso. Embora, para ser sincera, nem ela.
Mesmo naquela época, ela já sabia que não era como as outras garotas. Não queria tocar piano ou costurar. Queria estar ao ar livre, voar na garupa de seu cavalo, a luz do sol dançando pela sua pele enquanto seu coração pulava e corria com o vento. Ela queria levantar voo.
Ela era tudo que ele nunca quisera em uma mulher. Era teimosa, estupidamente imprudente e, se ela tivera um momento feminino em sua vida, ele nunca tinha visto. E ainda assim... Ele a queria.
 Ele tocou o rosto dela, e olhou em seus olhos.E viu seu mundo todo lá


Nossa, esse livro foi de longe um ods melhores da autora. Na verdade, eu não sei, porque a acada livro que leio da Julia, fico pensando se o próximo pode superar o anterior (e vejam só) sempre acaba superando.

Beijoss, e até a próxima!!

Meus Desejados do primeiro semestre ( 2019)


Oi oi gente!!

A minha listinha só faz aumentar e isso me preocupa, pois, comprei o kindle para ver se diminuía a minha lista, mas é cada lançamento de livros com edições cada vez mais maravilhosas, eu acabo querendo eles em físico mesmo. Quero ter esses livros em mãos.

Bom, esse lista de desejados eu vou ver se diminuo um pouco a cada mês. Então, se preparem para os Recebidos de cada mês, porque vão ter muitos.


Livros para completar as séries:

 Kate Harker e August Flynn vivem em lados opostos de uma cidade dividida entre Norte e Sul, onde a violência começou a gerar monstros de verdade. Eles são filhos dos líderes desses territórios inimigos e seus objetivos não poderiam ser mais diferentes. Kate sonha em ser tão cruel e impiedosa quanto o pai, que deixa os monstros livres e vende proteção aos humanos. August também quer ser como seu pai: um homem bondoso que defende os inocentes. O problema é que ele é um dos monstros, capaz de roubar a alma das vítimas com apenas uma nota musical. Quando Kate volta à cidade depois de um longo período, August recebe a missão de ficar de olho nela, disfarçado de um garoto comum. Não vai ser fácil para ele esconder sua verdadeira identidade, ainda mais quando uma revolução entre os monstros está prestes a eclodir, obrigando os dois a se unir para conseguir sobreviver.


Na sequência final de A melodia feroz, Kate Harker precisa voltar para Veracidade e se unir ao sunai August Flynn para enfrentar um ser que se alimenta do caos. Kate Harker não tem medo do escuro. Ela é uma caçadora de monstros ― e muito boa nisso. August Flynn é um monstro que tinha medo de nunca se tornar humano, mas agora sabe que não pode escapar do seu destino. Como um sunai, ele tem uma missão ― e vai cumprir seu papel, não importam as consequências. Quase seis meses depois de Kate e August se conhecerem, a guerra entre monstros e humanos continua ― e os monstros estão ganhando. Em Veracidade, August transformou-se no líder que nunca quis ser; em Prosperidade, Kate se tornou uma assassina de monstros implacável. Quando uma nova criatura surge ― uma que força suas vítimas a cometer atos violentos ―, Kate precisa voltar para sua antiga casa, e lá encontra um cenário pior do que esperava. Agora, ela vai ter de encarar um monstro que acreditava estar morto, um garoto que costumava conhecer muito bem, e o demônio que vive dentro de si mesma.


Mare Barrow foi capturada e passa os dias presa no palácio, impotente sem seu poder, atormentada por seus erros. Ela está à mercê do garoto por quem um dia se apaixonou, um jovem dissimulado que a enganou e traiu. Agora rei, Maven continua com os planos de sua mãe, fazendo de tudo para manter o controle de Norta - e de sua prisioneira. Enquanto Mare tenta aguentar o peso sufocante das Pedras Silenciosas, o resto da Guarda Escarlate se organiza, treinando e expandindo. Com a rebelião cada vez mais forte, eles param de agir sob as sombras e se preparam para a guerra. Entre eles está Cal, um prateado em meio aos vermelhos. Incapaz de decidir a que lado dedicar sua lealdade, o príncipe exilado só tem uma certeza: ele não vai descansar enquanto não trouxer Mare de volta.
No aguardado desfecho da série A Rainha Vermelha, descubra qual poder sairá vencedor depois que a tempestade de guerra passar. A autora do livro, Victoria Aveyard, virá ao Brasil para a Bienal Internacional do Livro de São Paulo de 2018. 
Mare Barrow aprendeu rápido que, para vencer, é preciso pagar um preço muito alto. Depois da traição de Cal, ela se esforça para proteger seu coração e continuar a lutar junto aos rebeldes pela liberdade de todos os vermelhos e sanguenovos de Norta. A jovem fará de tudo para derrubar o governo de uma vez por todas — começando pela coroa de Maven. Mas nenhuma guerra pode ser vencida sem ajuda, e logo Mare se vê obrigada a se unir ao garoto que partiu seu coração para derrotar aquele que quase a destruiu. Cal tem aliados prateados poderosos que, somados à Guarda Escarlate, se tornam uma força imbatível. Por outro lado, Maven é guiado por uma obsessão profunda e fará qualquer coisa para ter Mare de volta, nem que tenha que passar por cima de tudo — e todos — no caminho.

 Estar conectada a ele é uma droga! Graças ao seu abracadabra alienígena, Daemon está determinado a provar que o que sente por mim é mais do que um efeito colateral da nossa bizarra conexão. Em vista disso, fui obrigada a dar um “chega pra lá” nele, ainda que ultimamente nossa relação esteja... esquentando. Algo pior do que os Arum ronda a cidade. O Departamento de Defesa está aqui. Se eles descobrirem o que o Daemon pode fazer e que nós estamos conectados, vou me ferrar. Ele também. Além disso, tem um garoto novo na escola que, tal como a gente, guarda um segredo. Ele sabe o que aconteceu comigo e pode ajudar, mas, para fazer isso, preciso mentir para o Daemon e ficar longe dele. Como se isso fosse possível! Até que, de repente, tudo muda. Vi alguém que não deveria estar vivo. E tenho que contar ao Daemon, mesmo sabendo que ele não vai parar de investigar até descobrir toda a verdade. Ninguém é o que parece ser. E nem todo mundo irá sobreviver às mentiras.
 Ninguém é igual ao Daemon Black. Quando ele prometeu que iria provar seus sentimentos por mim, não estava brincando. Nunca mais vou duvidar dele. E agora que conseguimos finalmente aparar nossas arestas, bem... tem rolado muita combustão espontânea. Mas nem mesmo ele pode proteger a família dos perigos de tentarem libertar aqueles que amam. Depois de tudo o que aconteceu, já não sou mais a mesma Katy. Tornei-me uma pessoa diferente... E não sei bem o que isso vai significar no final. Quanto mais nos aproximamos da verdade e nos colocamos no caminho da organização secreta responsável por torturar e testar os híbridos, mais me dou conta de que não existe limite para o que sou capaz de fazer. A morte de um ente querido continua afetando a todos, a ajuda surge do lugar mais improvável, e nossos amigos irão se tornar nossos piores inimigos, mas não podemos voltar atrás. Mesmo que com isso estejamos arriscando destruir nosso mundo para sempre. Juntos somos fortes... e eles sabem disso. 
Daemon fará o que for preciso para ter a Katy de volta. Após a bem-sucedida, porém desastrosa, incursão a Mount Weather, ele está tendo que encarar o impensável. Katy foi capturada. Sua única meta agora é encontrá-la. Destruir qualquer um que se ponha em seu caminho? Com todo prazer. Incendiar o planeta inteiro para salvá-la? Moleza. Expor sua própria raça ao mundo? Sem problema. Tudo o que a Katy pode fazer é sobreviver. Cercada por inimigos, a única maneira que ela tem de sair dessa é se adaptando. Afinal, nem todas as facetas do Daedalus são totalmente malucas, embora os objetivos do grupo sejam assustadores e as verdades propagadas ainda mais perturbadoras. Quem é de fato o inimigo? o Daedalus? a humanidade? Ou os Luxen? Juntos, eles podem encarar o que vem pela frente. No entanto, a pior de todas as ameaças esteve escondida o tempo inteiro. Quando as verdades vierem à tona e as mentiras forem enfim desmascaradas, de que lado o Daemon e a Katy decidirão ficar? e será que eles conseguirão, pelo menos, continuar juntos?

"Nascimento. Vida. E morte. É assim que cantamos a jornada de personagens heroicos. Porém, a dona desta trama, não é uma heroína com a qual se está acostumado. Mia Corvere – o pequeno corvo – é a encarnação da vingança. Nas viragens passadas, ela era apenas uma discípula da seita de assassinos mais temida da República de Itreya. E, embora tenha falhado no teste final, foi a única capaz de resgatar o ministério da Igreja Vermelha do golpe traiçoeiro dado pelos legionários luminatii. Mia, enfim, foi ungida Lâmina. Agora ela é uma serva da Mãe da Noite. E cada vida que executa é uma oração para a Nossa Senhora do Bendito Assassinato. Mas não pensem que a garota se esqueceu daqueles que destruíram sua família, e cujo sangue realmente quer ter em suas mãos. Para saciar sua sede de vingança, a assassina será capaz de sair do caminho que a Igreja trilhou para ela, e seguir sua própria vontade. Usando de suas artimanhas, Mia Corvere fará de tudo para se tornar uma gladiatii – escravos de lutas que batalham até à morte. Com demônios feitos de sombras ao seu lado, nosso pequeno corvo vai decorar as arenas de vermelho e vísceras. Por sangue e glória, os louros de cada vitória vão aproximá-la ainda mais dos algozes de seu pai e do espetáculo sangrento com o qual ela sempre sonhou. Em Godsgrave, a República está prestes a cair.

 Liberta-me é o segundo livro da trilogia de Tahereh Mafi. Se no primeiro, Estilhaça-me, importava garantir a sobrevivência e fugir das atrocidades do Restabelecimento, em Liberta-me é possível sentir toda a sensibilidade e tristeza que emanam do coração da heroína, Juliette. Abandonada à própria sorte, impossibilitada de tocar qualquer ser humano, Juliette vai procurar entender os movimentos de seu coração, a maneira como seus sentimentos se confundem e até onde ela pode realmente ir para ter o controle de sua própria vida. Uma metáfora para a vida de jovens de todas as idades que também enfrentam uma espécie de distopia moderna, em que dúvidas e medos caminham lado a lado com a esperança, o desejo e o amor. A bela escrita de Tahereh Mafi está de volta ainda mais vigorosa e extasiante. 
A história de Juliette e Warner continua no eletrizante novo volume da série Estilhaça-me, de Tahereh Mafi, autora best-seller do The New York Times. Juliette Ferrars acreditava ter vencido. Assumiu o controle do Setor 45, foi nomeada nova Comandante Suprema da América do Norte e agora conta com Warner ao seu lado. No entanto, quando a tragédia se instala, Juliette precisa confrontar a escuridão que existe tanto à sua volta quanto em seu interior. Em que ela se transformará diante da adversidade? Será Juliette capaz de controlar seu poder e usá-lo para o bem? Sobre a autora: Tahereh Mafi e´ autora best-seller do The New York Times com a série Estilhaça-me, que foi publicada em 22 países e só no Brasil vendeu mais de 150 mil exemplares. Depois do estrondoso sucesso ao redor do mundo, a ABC Studios adquiriu os direitos da série e lançará uma adaptação para a TV. No Brasil, a Universo dos Livros relançará a série Estilhaça-me, incluindo dois volumes inéditos. Mafi também é autora dos livros Ale´m da Magia e A Magia do Inverno, ambos publicados pela Universo dos Livros, títulos que receberam diversos prêmios no ge^nero fantasia, que também consagrou seu marido Ransom Riggs, autor da trilogia O orfanato da Srta. Peregrine para crianc¸as peculiares.

Livros Únicos:

A trilogia Crônicas de Amor & Ódio, iniciada com The Kiss of Deception, caiu nas graças dos leitores mais apaixonados. O universo criado pela premiada escritora Mary E. Pearson encantou os brasileiros com suas disputas políticas e românticas, e as reviravoltas vividas por seus personagens tiraram o fôlego de muita gente. Os milhões de leitores pelo mundo que se sentiram órfãos ao fecharem as páginas do último livro da trilogia agora têm um motivo para comemorar: Mary E. Pearson está de volta, pronta para roubar o coração dos leitores com Dance of Thieves, o primeiro volume de Dinastia de Ladrões, a nova série ambientada no mesmo universo das Crônicas, alguns anos depois de seu desfecho. Quando o patriarca do império Ballenger morre, seu filho, Jase, torna-se seu novo líder. Até mesmo os reinos mais próximos se curvam à força dessa família fora da lei, que sempre governou por suas próprias regras. Mas uma nova era surge no horizonte, movimentada por uma jovem rainha, que logo se torna alvo de ressentimentos e ira da dinastia. Kazi, uma ladra reformada que cresceu nas ruas de Venda e sobreviveu por sua inteligência e agilidade, agora faz parte dos Rahtans, a guarda da rainha, e é enviada por ela para investigar transgressões e violações de tratados vigentes junto a Synové e Wren, outras duas soldadas da guarda real. Quando chega à terra proibida dos Ballenger, um incidente a deixa acorrentada a Jase, trazendo empecilhos ao seu trabalho. A competição de sagacidade com o jovem líder faz com que eventos inesperados saiam de controle, e o laço entre ambos se estreita conforme eles utilizam falsos argumentos para cumprir suas próprias missões e promessas. A batalha de poder entre Kazi e Jase pode lhes custar a vida — e seus corações. Os leitores das Crônicas de Amor & Ódio vão reconhecer alguns nomes e acontecimentos neste primeiro volume da Dinastia de Ladrões, ao mesmo tempo em que se conectam aos sentimentos e decisões dos novos personagens. Em Dance of Thieves, Mary E. Pearson mostra, mais uma vez, todo o poder de sua força narrativa ao nos presentear com uma história encantadora que arranca suspiros de deslumbre e tensão na mesma medida, e uma dupla inesquecível que desenvolve seu elo proibido de uma forma divertida e afiada ao longo das páginas. Neste livro, somos todos testemunhas de um dos maiores talentos de nossa rainha: dar vida a protagonistas empoderadas. Kazi é uma guerreira imbatível e determinada que marca presença por onde passa, seguindo os passos de Lia, a heroína das Crônicas de Amor & Ódio, ao inspirar mulheres a serem donas de seu próprio destino. A voz de Mary E. Pearson já ecoou no coração de milhares de brasileiros e ela fez sua casa na linha DarkLove, a linha editorial da DarkSide Books que revela novos talentos femininos da literatura. Chegou a hora de revisitar o nosso amado reino.

ELIZABETH LAVENZA não tem uma refeição decente há semanas. Seus braços finos estão cobertos de hematomas causados por sua guardiã. Na iminência de ser jogada nas ruas, a menina é levada para a casa de Victor Frankenstein, um garoto introspectivo e solitário que tem tudo – menos um amigo. Victor é a chance que Elizabeth tem para escapar da miséria. Então, ela faz de tudo para se tornar indispensável. E cumpre seu intento: é vendida por sua guardiã aos Frankenstein e passa a ser propriedade da família. Agora, ela pode dormir em uma cama quente, fartar-se com comidas deliciosas e usar os vestidos da mais fina seda. Logo, Victor e ela tornam-se inseparáveis. Conforme os anos passam, porém, a sobrevivência de Elizabeth depende de sua capacidade de controlar o temperamento cada vez mais perigoso de Victor, além de ser indulgente com seus caprichos, não importa o quão moralmente questionáveis ou perversos possam ser. De sorriso meigo e mente sofisticada, Elizabeth está determinada a se manter viva custe o que custar. Até mesmo quando o mundo tal qual ela conhece, progressivamente, é consumido pelas sombras. Mary Shelley revolucionou a literatura com Frankenstein: ou o Prometeu moderno , sua obra-prima. Em comemoração ao bicentenário de sua publicação, a Plataforma21 oferece a seus leitores este reconto do clássico, ricamente tecido por Kiersten White sob um ponto de vista inédito. É chegada a hora de conhecermos a voz de Elizabeth Frankenstein e deixá-la contar a própria história – e também a do monstro.

"Orgulho e preconceito" é o livro mais famoso de Jane Austen e possui uma série de personagens inesquecíveis e um enredo memorável. Austen nos apresenta Elizabeth Bennet como heroína irresistível e seu pretendente aristocrático, o sr. Darcy. Nesse livro, aspectos diferentes são abordados: orgulho encontra preconceito, ascendência social confronta desprezo social, equívocos e julgamentos antecipados conduzem alguns personagens ao sofrimento e ao escândalo. O livro pode ser considerado a obra-prima da escritora, que equilibra comédia com seriedade, observação meticulosa das atitudes humanas e sua ironia refinada. A nova coleção possui capa dura e estilo inspirado nos bullet journals.
"Persuasão” foi o último trabalho completo de Jane Austen. O livro conta a história de Anne Elliot, uma das heroínas mais tranquilas e reservadas de Austen, mas, ao mesmo tempo, uma das mais fortes e abertas às mudanças. O livro enaltece a constância do amor numa época turbulenta na história da Inglaterra: as guerras napoleônicas. Escrito nesse período, o romance descreve como uma mulher pode permanecer fiel ao seu passado e, ainda assim, pensar em um futuro feliz. Austen expõe de maneira sutil como uma mulher pode passar por cima das convenções sociais e das restrições femininas em busca da felicidade.

Escrito ainda na juventude de Jane Austen e publicado postumamente, em 1818, "A Abadia de Northanger" é, sem dúvida, um dos romances mais elaborados da época – uma comédia satírica que aborda questões humanas de maneira sutil, tendo como pano de fundo a cidade de Bath. O enredo gira em torno de Catherine Morland, que deixa a tranquila e, por vezes, tediosa vida na zona rural da Inglaterra para passar uma temporada na agitada e sofisticada Bath do final do século XVIII. Catherine é uma jovem ingênua, cheia de energia e leitora voraz de romances góticos. O livro faz uma espécie de paródia a esses romances, especialmente os escritos por Ann Radcliffe. Jane Austen faz um eloquente contraste entre realidade e imaginação, entre uma vida pacata e as situações sinistras e excitantes que os personagens de um romance podem viver.

Livros em Inglês:


Esta manhã, Kady pensou que romper com Ezra era a coisa mais difícil que ela teria que fazer. Esta tarde, o planeta dela foi invadido.
      O ano é 2575, e duas megacorporações rivais estão em guerra sobre um planeta que é pouco mais do que uma mancha na borda do universo. Agora, com o fogo inimigo chovendo sobre eles, Kady e Ezra - que mal conversam entre si - são forçados a evacuar com um navio de guerra hostil em perseguição.
     Mas os problemas deles estão apenas começando. Uma praga estourou e está em mutação com resultados terríveis; a IA da frota pode realmente ser sua inimiga; e ninguém no comando dirá o que realmente está acontecendo. Quando Kady invade uma rede de dados para descobrir a verdade, fica claro que a única pessoa que pode ajudá-la é o ex-namorado com quem ela jurou que nunca mais falaria.
      Contada através de um fascinante dossiê de documentos hackeados - incluindo e-mails, mapas, arquivos, mensagens instantâneas, relatórios médicos, entrevistas e muito mais - Illuminae é o primeiro livro de uma trilogia de parar o coração sobre vidas interrompidas, o preço da verdade e a coragem de heróis cotidianos.


Mover-se para uma estação espacial na borda da galáxia sempre seria a morte da vida social de Hanna. Ninguém disse que poderia realmente matá-la. A saga de ficção científica que começou com o best-seller Illuminae continua a bordo do Jump Station Heimdall, onde dois novos personagens enfrentarão a próxima onda do ataque da BeiTech.
Hanna é a filha mimada do capitão da estação; Nik, o membro relutante de uma notória família criminosa. Mas enquanto os dois estão lutando com as realidades da vida a bordo da estação espacial mais chata da galáxia, mal sabem que Kady Grant e os Hypatia estão indo direto para Heimdall carregando notícias da invasão de Kerenza. Quando uma equipe de elite da BeiTech invade a estação, Hanna e Nik são jogados juntos para defender sua casa. Mas os predadores alienígenas estão pegando os residentes da estação, um por um, e um mau funcionamento no buraco de minhoca da estação significa que o contínuo espaço-temporal pode ser dividido em dois antes do jantar. Logo, Hanna e Nik não estão apenas lutando por sua própria sobrevivência; o destino de todos na Hypatia - e possivelmente o universo conhecido - está em suas mãos. Mas relaxe. Eles conseguiram isso totalmente. Eles esperam. Mais uma vez contada através de um dossiê convincente de e-mails, mensagens instantâneas, arquivos confidenciais, transcrições e esquemas, Gemina aumenta a participação dos arquivos Illuminae, lançando leitores em uma nova história fascinante que vai deixá-los sem fôlego.
Kady, Ezra, Hanna e Nik escaparam por pouco de suas vidas dos ataques à estação de Heimdall e agora se viram abarrotados com 2.000 refugiados no navio porta-contêiner, Mao. Com a estação de salto destruída e seus recursos escassos, a única opção é retornar a Kerenza - mas quem sabe o que eles encontrarão sete meses após a invasão? Enquanto isso, a prima de Kady, Asha, sobreviveu ao ataque inicial da BeiTech e se juntou à resistência clandestina de Kerenza. Quando Rhys - uma velha chama do passado de Asha - reaparece em Kerenza, os dois se encontram em lados opostos do conflito. Com o tempo se esgotando, uma batalha final será travada na terra e no espaço, os heróis cairão e os corações serão quebrados.
Do New York Times e USA Today best-seller autor da série Shatter Me vem um romance contemporâneo poderoso, comovente sobre o medo, primeiro amor eo impacto devastador do preconceito.É 2002, um ano depois do 11 de setembro. É um momento extremamente turbulento politicamente, mas especialmente para alguém como Shirin, uma garota muçulmana de dezesseis anos que está cansada de ser estereotipada.Shirin nunca se surpreende com o quão horrível as pessoas podem ser. Ela está cansada dos olhares rudes, dos comentários degradantes - até mesmo da violência física - ela persiste como resultado de sua raça, sua religião e o hijab que ela usa todos os dias. Então, ela construiu muros de proteção e se recusa a deixar alguém perto o suficiente para machucá-la. Em vez disso, ela afoga suas frustrações na música e passa as tardes dançando com seu irmão. Mas então ela conhece o Ocean James. Ele é a primeira pessoa para sempre que realmente parece querer conhecer Shirin. Isso a aterroriza - elas parecem vir de dois mundos irreconciliáveis ​​- e Shirin ficou de guarda por tanto tempo que ela não tem certeza de que conseguirá decepcioná-la.
Durante o dia, Starr estuda numa escola cara, com colegas brancos e ricos. No fim da aula, volta para seu bairro, periférico e negro, um gueto dominado pelas gangues e oprimido pela polícia. Ainda muito nova, Starr aprendeu com os pais como uma pessoa negra deve se comportar na frente de um policial. Não faça movimentos bruscos. Deixe sempre as mãos à mostra. Só fale quando te perguntarem algo. Seja obediente. Quando ela e seu amigo, Khalil, são parados por uma viatura, tudo o que Starr espera é que Khalil também conheça essas regras. Um movimento errado, uma suposição e os tiros disparam. De repente o amigo de infância da garota está no chão, coberto de sangue. Morto. Em luto, indignada com a injustiça tão explícita que presenciou e vivendo em duas realidades tão distintas, Starr precisa descobrir a sua voz. Precisa decidir o que fazer com o triste poder que recebeu ao ser a única testemunha de um crime que pode ter um desfecho tão injusto como seu início. Acima de tudo Starr precisa fazer a coisa certa. Angie Thomas, numa narrativa muito dinâmica, sensível e, ainda assim, direta e firme, fala de racismo de uma forma nova para jovens leitores. Este é um livro que não se pode ignorar.


Então, viu como a lista de livros cresceu?
Eu pretendo comprar pelo menos dois ou três todo mês. Os livros em inglês vão para a minha coleção ESPECIAL. Assim, que o ano terminar eu mostro todos os livros que comprei da lista e pretendo fazer uma resenha de cada.

Beijoss, e até a próxima!!


O cheiro de livros me dá as boas-vindas imediatamente e eu me sinto em casa. Pode me chamar de Alice, tenho 22 anos (com carinha de 15). sou uma estudante de publicidade eclética e hiperativa de 6h às 18h. Aqui você vai encontrar de tudo um pouco.

Busca

Facebook

Seguidores

Arquivos

Editoras Parceiras 2019

Tecnologia do Blogger.